segunda-feira, agosto 21, 2006



Legendas em crise



De quando em vez a vida prega-nos partidas de todo inesperadas. Ainda há quem diga que a espera convicta e militante é própria dos santos que se põem no altar. Santos por santos, nem sei quem prefira. E como não vou muito em tretas dessas, foi o joliva Santos que, desta feita, me deixou de cara à banda. E estive eu à espera que ele voltasse de umas férias de quase quatro meses, para ter tal desilusão. E eu não faço parte do grupo dos alegados santos, daqueles que as más línguas dizem que estão celestialmente sentados à direita do pai de todos. Leia-se, de todos os santos, ou seja um verdadeiro pai putativo.


Todos os santos


Pois bem, vou explicar o porquê deste escrito. Tenho tentado em vão botar umas legendas por baixo das fotos que publico neste blogue. Os resultados, não sendo completamente desanimadores, são apenas justificativos de me considerar um falhado em legendas. Creio que noutras coisas mais, mas desta feito o que vem ao caso são os piés de foto como dicen nuestros vecinos y hermanos.

O Santos, joliva, que não deve confundir-se com o Fernando Teixeira dos Santos, meu bom Amigo, apesar de ser o Ministro das Finanças (e, nessa qualidade, me e nos vai à bolsa e aos bolsos de uma forma que não é brinquedo), pois dizia eu, o joliva, confrontado com consulta que lhe fiz, disse-me que para uma legenda ao centro ainda sabia; quanto às restantes, à esquerda ou à direita, népia.

Face a tal declaração de impotência – no que concerne às legendas descentradas verdadeiramente em crise – decidi tentar uma experiência. Sempre em busca da verdade, da inovação e da modernização. Podia ter-me embrenhado no Plano Tecnológico. Mas lá dizia o Vate zarolho, mais vale experimentá-lo que julgá-lo, mas julgue-o quem não pode experimentá-lo. AF

12 comentários:

herculanodacosta disse...

Olá!
Abraço grande para o autor do "travessa", por mais este naco de fino recorte...
Quanto ao Vate zarolho - e apenas porque isto da blogosfera é um amálgama ainda por definir e onde no mesmo saco cabem gajos como o Ferreira, o MEC ou o JPP lado a lado com desgraçadinhos como eu - quanto ao Vate zarolho da citação é apenas para esclarecer que se trata de Luis Vaz de Camões.
... e não não é o último crack que assinou pelos dragões do Pinto da Costa.
Fiquem-se que eu vou-me.
herc

Anónima Salina disse...

Querido Senhor Joliva e Chefe

Quanto é que oferecem para deslindar o "Caso das Legendas em Crise"?

AS

Explusiva disse...

Meu caro amigo,
Ainda estou em dívida para consigo, uma vez que ainda não respondi às palavras que deixou aqui no seu "belogue" e que tão bem me souberam ler.
Prometo responder em tempo breve.
Por agora, deixo-lhe um presente no meu blog, esperando que tal oferenda seja do seu agrado.
Beijinhos da Cláudia Sofia
http://explusiva.blogspot.com/

Anónima Salina disse...

Caros Amigos Chefe, Senhor Joliva e Cláudia Explusiva

Ainda a questão das legendas.
Se não se importam, visitem o http://salinex.blogspot.com, também ele um blog criado para trocas de receitas de "Legendas". É certamente - e depois de muita reflexão -, um motivo tão válido como qualquer outro para a criação de um dito cujo blóguiu.
Bem hajam
AS

herculanodacosta disse...

Amigo Ferreira:
Tentei ir ver o blog da SALINA mas a coisa não funciona...
Se tiver modo de a contactar e avisar...
Tb estive a ver o blog da Claudia - eu bem digo que a rapariga tem "garra"; diga-me se estou errado...
Abraço
herc

herculanodacosta disse...

recado para a SALINA:
Minha Cara:
Com todo o respeito, como não consigo aceder ao seu blog (parabéns desde já pela iniciativa!), ofereço-me para lhe ensinar a fazer links - pk tb já me ensinaram a mim.
atenciosamente
herc

joliva_santos disse...

Cara D. Salina (anónima, para mim).

Respondo ao seu repto através do (já) famoso blóguio do (Grande) Chefe (ele que me desculpe se for capaz...).

Assim sendo:
a) Quanto às legendas (perdidas e respectivo mistério), e como sou um mãos largas (devo dizer-lhe que já me chamaram nomes bem piores, Chefe incluído), até subo a parada: uma travessa (grande) de caracóis e várias (muitas?) imperiais. Só não sei se o Chefe dança, i.e., acompanha;

b) Quanto à chave do Euromilhões terei de pensar melhor. É que chave já tenho a de casa, e o dinheiro, não sei porquê (juro!), está-me constantemente a fugir das mãos...
Depois, quanto ao preço proposto também estou indeciso. Não sei se alinhe no choco (frito) ou na feijoada. E se fosse (antes) uma feijoada de choco? Carapauzinhos esturricados (como entrada) para o Chefe?

Aguardo notícias,
JS

Antunes Ferreira disse...

Ordem, minhas Senhoras e meus Senhores, ordem! Organizem-se, como diz a anedota calina - eu não escrevi salina -organizem-se!

Este blogue já começa a ter visitantes em quantidade e de qualidade, o que é o caso de Vossas Insolências; o que me enche de orgulho, de honra e de prazer.

Porem, nada de todos ao molho e fé em deus. Digladiem-se, discutam, apostrofem-se, comam-se vivos (salvo seja...)- mas, sil us plau, não se empurrem. Organizem-se. Multumesc frumos (obrigadinho éokeu-les desejo em Romeno).

Vamos por partes.

1) Ana Anonyma: deixa-te de fitas e diz lá como é essa trampa das legendas. É uma ordem! E dá o endereço correcto para o Herc não se lamentar nem fazer queixinhas.E cá o muá não se enganar, nem os outros.

2) Hercosta: Vamos ter maneiras e tratar as minhas queridas (leitoras e postadoras) como aliás elas merecem.
Qanto aos iniciailizados - quem são o MEC ou o JPP? Se são os que eu penso que são, são, então, uma espécie de fruto que não tem nada de são. São Policarpo perneta nos valha, uns à faca, outros à navalha.
Ó Hercizinho: quanto às legendas, pôssaras, como diz o mê compadre estremocense: organizê-se.

3) Cláudia: So fia quem quer, pois é melhor tomar-se em conta o letreiro das lojas mais diversas - queres fiado? Toma! ZP.
Fico à espera de colaboração diversa. Mande Vocência por imeile e ficarei muito mais sossegado. Aliás o imilio é fundamental para a insultar em privado. E peça aos seus Amigos que me visitem, que eu vou fazer o mesmo em relação ao seu. Vai ser uma explusão, garanto.

4) Jolivazinho do meu c'ração, lagarto, lagarto, lagarto. Dois itens (isto começa bem).
a) Abaute al massada, digo, moçada: é pra já. Mas jamais de c'racois muito menos das lesmas da OROC... Outros acepipes, sei lá, umas lagostitas muito suadas, para o que estagiarão na já citada (des)organização umas gambitas gigantitas e um branco geladinho. Huiscacho q.b. para finalizar. Oqueijo?
b)Chaves (do Areeiro?) casas (no Lumiar, 162 m2) eurotostões & afins - não respondo a provocações. Tenho dito.

PS - Chocos e jaquinzinhos (4/5 cm e esturradinhos) - bou nisso, carago.

Queijos, abrações e huiscachos, conbenientemente repartidos, canudo. Não bale a pena acentuar. Paga o joliva et aliud, bão estar todos conbidados, menos o fdp do Pintinho. PqP! Eu nom posso abrira a brag..., digo, a bolsa, ca mudança pôs-me teso. Promessas...

Explusiva disse...

Querido AF, insulte-me vocemê as vezes que quizer porque a si eu lho permito!
Para que nada lhe falte aqui segue a minha morada (electrónica, claro, até porque hoje em dia escrever à mão - pelo menos com a nossa - já se nao usa!)
claudia.php@gmail.com
Cá esperarei por notícias suas
Beijinhos
CS

Anónima Salina disse...

Caros Amigos das Legendas

A solução para o comum dos mortais:

1)Imagem importada para o word (programa de manigâncias mil, mas...);

2)Caixa de texto sobreposta, alinhada, pespegada e formatada a gosto sobre o boneco;

3)Agrupar as duas "imagens" (boneco + caixa de texto);

4)Imagem copiada e colada num qualquer programa de tratamento das ditas (recomendo o paint - fácil, barato e dá milhões);

5)Fazer um "guardar como" em formato JPEG ou GIF;

6)Agora é só colocar a "cena" nos blóguius!

Solução 2

Há por aí algum programa de paginação, os chamados "pagemaker"?! Se houver ou outra dúvida qualquer ana.salina@gmail.com

AS

PS - Senhor Herculano
Venha a dica para os links e juro que partilho a minha travessa de caracóis consigo!

Ao senhor Joliva: O que faz uma mulher por uma travessa de caracóis... e outras coisas móis! A si o Chefe chama nomes?!... Pois a mim puxa-me as orelhas, atira-me sapatos e afins. Muito se sofre!

joliva_santos disse...

Caro AF (ou Chefe, também dá),

Eu, que sou um tipo do mais pacato que existe, vejo-me (de repente e sem saber ler nem escrever) metido num imblóguio (este, exactamente!).
Ele(s) são Chefe(s) e Salina(s), (um) Herculano (da Costa), uma explusiva (salvo seja!, digo eu), links e legendas, chaves (de casa, do Areeiro e do Euromilhões), lagarto(s) e Pintinho(s) (eu acrescento a Vitória, pois claro!), caracóis e imperiais, feijoadas e chocos, caraupauzinhos (esturricados), lagostitas (suadas. Não podem ser na brasa?) e vinho branco, queijos (variados, presumo) e huiscachos (oh Chefe e café não bebemos?)

Ao que constato meti-me num blóguio (verdadeiramente) surrealista! (Help).

Abraços (amigos) do
JS

P(ost) S(critum) - Essa de ser o joliva a pagar a conta...

joliva_santos disse...

Errata

É lógico que o post anterior é scriptum...